O Último dos Moicanos: Blá, blá, blá...

sábado, 3 de fevereiro de 2007

Blá, blá, blá...

Notícia do Jornal "Sol" da passada quinta-feira... "Dois deputados noruegueses nomearam o antigo vice-presidente americano Al Gore para Prémio Nobel da Paz pelos seus feitos na consciencialização global das alterações climáticas. (...) Se ganhar, não será o primeiro Nobel a ser gratificado por trabalho ambiental." Eu diria mais, se ganhar, não será o primeiro charlatão a consegui-lo, depois de em 1973 o Nobel da Paz ter ido parar às mãos do perverso Henry Kissinger, tudo se espera do Comité Nobel. Ontem, o "Sol" insistia... "Até ao final do século, o planeta vai aquecer entre 1,8 e 4 graus Celsius, o que fará subir o nível dos mares até 58 centímetros e multiplicar as secas e vagas de calor, de acordo com um estudo internacional divulgado hoje. Estas são as principais conclusões do relatório hoje apresentado em Paris pelos 500 delegados do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas (IPCC) da ONU, após quatro dias de intensas negociações. Os peritos basearam as suas conclusões no conjunto das investigações científicas realizadas nos últimos seis anos para actualizar e corrigir os dados do seu anterior relatório, de 2001. Para o presidente do painel, Rajendra Pachauri, trata-se de «um documento muito impressionante que vai vários passos além das investigações anteriores», e, segundo a cientista Susan Dolomon," (peço desculpa pela correcção, mas o apelido da artista é Solomon) "representante do governo norte-americano, «não há dúvida de que o aumento dos gases com efeito de estufa é dominado pelas actividades humanas». Segundo uma síntese do relatório, intitulada «Resumo à Atenção dos Decisores», o aumento da temperatura global será muito diferenciado conforme as regiões, podendo ser multiplicada por dois nos pólos, por exemplo. A subida dos termómetros fará subir também o nível dos mares entre 18 e 59 centímetros e estará na origem de múltiplos fenómenos extremos, como vagas de calor, episódios de seca e precipitações intensas cada vez mais frequentes que poderão provocar a deslocação de cerca de 200 milhões de refugiados climáticos daqui até ao fim do século. (...) O aquecimento previsto reduzirá a cobertura de neve e as calotes polares, e não se exclui a possibilidade de o gelo do Pólo Norte se derreter completamente em finais do século. (...) O painel científico deverá divulgar nos próximos meses outros relatórios sobre o impacto do aquecimento global, as formas de o mitigar e um documento final de síntese, a aprovar em Novembro em Valência (Espanha)." Isto é pior do que eu pensava, eles prometem mais episódios da novela. Aliás a repetição da mentira é de tal ordem que vários manuais escolares, editados este ano, viram alguns textos sobre os mais variados assuntos acrescentados com barbaridades científicas sobre este assunto. Como toda a gente sabe, o clima da Terra foi-se alterando ao longo de milhares (ou talvez milhões) de anos até à chegada do homem, mantendo ainda hoje uma lenta mas continuada evolução. A revolução industrial ocorreu há pouco mais de 200 anos e as "ferramentas" que nos permitem medir com precisão grandezas relacionadas com o clima têm cerca de 100 anos, por isso, apesar de parecer que na Idade Média, a Terra era bem mais quente que hoje, deixemos as "incertezas" e concentremo-nos nos factos. Segundo dados fornecidos em Dezembro pela NASA, o Planeta aqueceu, no seu todo, em termos médios, cerca de 0,5 graus Celsius, desde 1880. Obviamente, houve zonas que aqueceram mais e zonas que arrefeceram, contando-se entre as que aqueceram, a América do Norte, a Europa, parte da Ásia Central e uma pequena faixa junto ao Pólo Norte. Entre as que arrefeceram, destacam-se, a Gronelândia e quase todo o Continente Antárctico. A distribuição do gelo permanente na superfície da Terra é aproximadamente de 85% no Antárctico, 10% na Gronelândia, 4% no Árctico e 1% no topo dos cumes mais elevados do planeta. Ou seja, 95% do gelo terrestre situa-se em regiões que têm arrefecido nos últimos 120 anos. O Antárctico "vê" a espessura da sua camada de gelo aumentar 1,4 cm por ano. Ainda assim, não me choca que se chame "Aquecimento Global" a um aumento médio das temperaturas de 0,5 ºC em mais de um século, o que me choca, é que fundamentando em modelos de previsão com mais de 30 anos e comprovadamente desfasados da realidade, se insista num aquecimento de alguns graus nos próximos 100 anos, acusando disso, os gases com efeito de estufa (principalmente o dióxido de carbono), que como sabemos (no caso de serem produzidos pelo Homem e, exceptuando a respiração) são provenientes da queima de combustíveis fósseis, principalmente o petróleo, que (dizem) se esgotará dentro de 30 a 40 anos. Mas... admitamos por pura especulação que a previsão, perfeitamente ridícula, (desta vez) se confirma e o planeta aquece 5 ºC, melhor, já que é para especular, digamos 10 ºC. Agora, neste preciso momento, são 9 horas da manhã em Vostok (provavelmente o local mais frio do planeta), estação meteorológica Russa, no coração do Antárctico (latitude 80º Sul), estamos em pleno Verão, o Sol, que nasceu pela última vez a 23 de Setembro de 2006, só baixará a linha do horizonte a 21 de Março de 2007, brilhando neste momento num céu sem nuvens, os termómetros marcam 40,4 ºC negativos; em meados do passado mês de Agosto, em pleno Inverno, e após 5 meses de longa noite polar, os termómetros desciam 80 ºC abaixo do ponto de solidificação da água. Ou seja, desde Agosto até Fevereiro, a temperatura subiu no Pólo Sul terrestre (como acontece aliás, todos os anos) 40 graus. Alguém ouviu falar de cheias neste, ou em qualquer outro Verão, na Austrália, na Nova Zelândia, na Argentina, na África do Sul? Enormes quantidades de gelo derreteram e voltaram a solidificar, ano após ano, sem que isso tenha alterado o nível dos oceanos. Uma parte do gelo existente na Terra, encontra-se sobre o mar, se derreter, a água ocupará o seu lugar não resultando daí qualquer alteração no nível desta (Principio de Arquimedes). O nível do mar sobe, apenas quando derretem gelos que estão à superfície de terra firme e nunca na mesma quantidade, porque uma parte da água daí resultante é absorvida pela terra e outra evapora-se para a atmosfera em resultado do aumento de temperatura. Mas continuemos a especulação… Admitamos que a Terra aqueceria e o nível médio dos oceanos subiria significativamente, atropelando as Leis da Física, então, o clima temperado e húmido, tropical, atingiria latitudes maiores, tanto no hemisfério Norte como no Sul, os Invernos seriam mais quentes e os Verões mais frescos, devido à humidade do ar e, choveria com mais frequência. Então e onde entra a "estória" das secas extremas, dos incêndios e da escassez de água? Não faço ideia, alguém achou que ficavam bem no argumento. Tínhamos também o problema da submersão de alguns quilómetros quadrados de litoral costeiro com a subida do nível do mar… Pois tínhamos, partindo do pressuposto que todo este "romance" era verdadeiro e os governantes nada faziam para alterar a situação. Imaginem que tinham uma enorme poça de água, numa zona arenosa, e que decidiam retirar areia de dentro da poça, que acontecia à água? Ocupava o lugar deixado vago pela saída da areia, baixando assim o nível, em comparação com a terra fora da poça... E se depositassem a areia extraída, nas margens da poça? Aumentaria ainda mais o desnível entre a água e a terra firme, certo? Tecnologia de ponta!... Ah, já agora... para que é que estão a gastar uma fortuna com aquelas ilhas artificiais no Dubai, (como a palmeira da foto, ou o conhecido mapa-mundo) se o mar ao subir vai afundar aquilo tudo nos próximos anos?...

Apache, Fevereiro de 2007

Etiquetas: , ,

13 Comments:

Blogger Ana Ramon said...

Ao ler-te ia sentindo sair de cima de mim o peso gigante das preocupações acumuladas pelas informações catastróficas que recebo diariamente se insistir em ouvir noticiários. Não tinha dados para chegar a esta tua reflexão, mas tenho andado a rondá-la já há algum tempo. Não sei como ainda conseguimos sobreviver perante o terror das ameaças que nos transmitem no écran da televisão, ainda que com um sorriso desajustado. Até a grande ameça da gripe das aves que hoje tornou a ter actualidade me deixa desconfiada. Sabiamos da sua existência em países longínquos e com hábitos algo promíscuos (segundo contam que nunca lá estive) e de repente um salto, entra na Europa, na Alemanha, morre um gato, aqui d'el-rey e de repente é proibido venderem-se aves nas feiras, as pessoas começam a abater os seus animais para não serem prejudicadas e assim como aparece a notícia assim desaparece, voltando tudo à primeira forma. A minha zona foi considerada sem grande perigo para o aparecimento da doença. Imagine-se: a dois passos de uma barragem com uma enorme variedade de aves migratórias. E assim se vai desinformando e aterrorizando as pessoas. Como se já não bastasse os grande problemas com que nos debatemos diariamente.
Desculpa lá este desabafo. É bom encontrar alguém que não se deixa "cegar" pelos abutres da informação. Um abraço

sábado, fevereiro 03, 2007 6:49:00 da tarde  
Blogger Cleopatra said...

Boa Pergunta.
Há dias a estudar com a minha filha, pus a mesma questão..
É... Será?

domingo, fevereiro 04, 2007 12:46:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Olá Ana, de facto parece-me que a gripe das aves também é uma "linda história" mas como é matéria que não domino, abstenho-me. Se bem que segundo alguns amigos, a possibilidade de uma mutação do vírus o vir a transformar numa epidemia para os humanos é de uma probabilidade baixíssima. Quanto ao Tamiflu, principal "esperança" de cura, não consegue tratar uma gripe vulgar, não sei porque é que pensam que curará uma doença que ainda não existe, pelo menos no homem.

Olá Cléo. É, é! É uma linda ficção! O que eu gostava mesmo era que nos jornais, rádios e televisões transmitissem notícias.

domingo, fevereiro 04, 2007 4:07:00 da manhã  
Blogger Sulista said...

Pôrra! gue gande Tese Abache!! ;-)

E borgue zerá gue eles vêm gom essa treta toda para nozes se nã vôr verdade?

Anyway, guando o pitrólio agabar é gue vai ser giro...biba os Mercedes a eletricidade!!
Eheheeheh

bjs gonsdibados

domingo, fevereiro 04, 2007 11:04:00 da manhã  
Blogger Ni said...

«O que eu gostava mesmo era que nos jornais, rádios e televisões transmitissem notícias.»
...

Notícias? Das 'verdadeiras'? Notícias, mesmo notícias? Das que nos contam as mentiras com que nos têm brindado? (Algumas, aqui, tão oportunamente abordadas neste blog...)

Ora, Apache!!!
E depois... como é que as pessoas passavam sem os medos sensacionalistas das pneumonias atípicas, das gripes das aves, bláblbablá... como é que sobreviviam sem as Floribelas e afins? ...
...

Algo que não me canso de dizer em aula e fora dela é que a instrução, o saber, é o nosso grande poder.

Peço aos meus jovens alunos: 'Não se alimentem do saber feito, da opinião aparentemente muito bem fundamentada... é apenas UMA opinião... não a verdade.'

O que se passa em Portugal - e não só - faz-me lembrar a sociedade americana... onde famílias não comunicam e mergulham em fast food e reality shows, numa estupidificação crescente...
...
tal como convém...

:(((

...

Ni*

domingo, fevereiro 04, 2007 3:05:00 da tarde  
Blogger Ni said...

Ía sair do blog... começou a tocar 'love of my life'... que canção...

... se fosse interpretada pelos Queen... seria um momento perfeito.

Fico por aqui...

:)

domingo, fevereiro 04, 2007 3:10:00 da tarde  
Blogger Apache said...

"E borgue zerá gue eles vêm gom essa treta toda para nozes se nã vôr verdade?"
Não sabes a resposta, Sulista?!
O "alegado" consenso em volta do tema, por parte da comunidade científica, é cada vez mais um consenso na crítica à teoria do "Aquecimento Global". Mesmo no seio do IPCC (Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas) têm sido várias as demissões. Aliás, o mesmo tem acontecido nos últimos anos, nos órgãos dirigentes da OMM (Organização Meteorológica Mundial). Há vários cientistas de renome mundial que ainda não perceberam as vantagens desta farsa e têm-se recusado a pactuar com ela.
A forma como são redigidos os relatórios do IPCC é anedótica. São publicados resumos para a comunicação social (como este a que o "Sol" se refere) com as conclusões encomendadas e depois (um a dois meses mais tarde) é que fica escrito o relatório propriamente dito, do qual se extraiu o resumo antes de ele existir. Um dos autores do relatório (de 2001) anterior disse que não faria mais nenhum pois está-se a tornar praticamente impossível escrever que justifique o resumo e não seja cientificamente hilariante. Nesse relatório (de 2001), um gráfico computorizado, conhecido como "Mann Hockey Stick" foi alterado à mão para se ajustar ao resumo.

"bjs gonsdibados" Vico eu gom os beijos e du gom os gonsdibados...



"O que se passa em Portugal - e não só - faz-me lembrar a sociedade americana... onde famílias não comunicam e mergulham em fast food e reality shows, numa estupidificação crescente... Tal como convém”
Tal como lhes convém!!!

Quanto à música, foi o que se pode arranjar...
Também gosto muito de Queen, mas prefiro Scorpions.

segunda-feira, fevereiro 05, 2007 3:18:00 da manhã  
Blogger redonda said...

Gostei mesmo deste teu post, pelo sentido de humor e por ser tão positivo. Já não terei de me preocupar tanto com as futuras inundações no Porto. Pode ser que usando essa tecnologia de ponta não cheguem à zona onde vivo...:)

segunda-feira, fevereiro 05, 2007 2:53:00 da tarde  
Blogger Apache said...

E a parte mais positiva era mesmo se o aquecimento global existisse mesmo e fosse de alguns graus, como parece ter acontecido na idade média, a área cultivável do planeta aumentava significativamente, a seca e os incêndios florestais diminuíam e poupávamos algum dinheiro nos custos da energia usada para aquecimento.

quinta-feira, fevereiro 08, 2007 12:15:00 da manhã  
Blogger Cleopatra said...

Fica um bjito pela visita lá na minha moon.

quinta-feira, fevereiro 08, 2007 1:09:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Sou cliente! Só escapa quando o tempo não me chega para navegar.
Beijinho.

quinta-feira, fevereiro 08, 2007 1:40:00 da manhã  
Blogger Cleopatra said...

E o desafio??!

sexta-feira, fevereiro 16, 2007 11:47:00 da tarde  
Blogger Apache said...

Qual desafio??

domingo, fevereiro 18, 2007 2:18:00 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home