O Último dos Moicanos: Saudade

domingo, 26 de fevereiro de 2006

Saudade

Saudade palavra triste, saudade, o que quer dizer? É desespero que a tudo resiste? Ou vontade de te ver?... Sete letras tem, saudade… Outras tantas tem, lamento… As mesmas que a verdade com que vivo cada momento! Partiste, quase tudo levaste, mas um pouco de ti restou… O vazio que em mim deixaste, encoberto na ilusão que ficou!... Na longa estrada da vida exibo a minha liberdade… Pergunto se a ausência sentida é ser livre, ou ser, vaidade?... Entre o teu olhar terno de mel e o meu molhado de sal… Saudade é a palavra cruel que trocou o sonho pelo real!... Foste luz, foste vida… Foste rio de ansiedade… Foste “Terra Prometida” até ao fim da eternidade!... Hoje és distância, solidão… Materialização da saudade… Serás demência? Obsessão? Ou visão turva da realidade?...
Apache, Fevereiro de 2006

Etiquetas:

48 Comments:

Blogger Cleopatra said...

Quem prende a água que corre

É por si próprio enganado.

O ribeirinho não morre,

Vai correr por todo lado.


ANTÓNIO ALEIXO

domingo, fevereiro 26, 2006 9:46:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

Está bonito, se bem que não seja o meu preferido.
Está um pouco preso à preocupação de rimar.

domingo, fevereiro 26, 2006 10:06:00 da tarde  
Blogger LusitanaPaixão said...

Olhem... vim aqui e vejo que as mulheres continuam a gostar dos homens a cheirar a cavalo!
Vou cheirar para outro lado.
Amigo... esqueça,
Um abraço.

domingo, fevereiro 26, 2006 10:47:00 da tarde  
Blogger Apache said...

E a sabedoria popular tem sempre razão, não acha cleópatra?

segunda-feira, fevereiro 27, 2006 3:51:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Olha Morgana, depois de o escrever, fiquei com a sensação que as quadras não estão completamente ligadas. Há espaço para escrever algo entre elas...

segunda-feira, fevereiro 27, 2006 3:53:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Ó lusitanapaixão, não me diga que nunca lhe apareceu um "doce aroma de égua" que lhe tenha caído no goto...
Eu...
Cala-te boca!!!
Boa semana!

segunda-feira, fevereiro 27, 2006 3:56:00 da manhã  
Blogger Carla Ferreira said...

É sempre dificil falar de saudade. Até porque saudade, tal como amor dificilmente se define, apenas se sente.
De qualquer forma parabéns!

segunda-feira, fevereiro 27, 2006 12:04:00 da tarde  
Blogger Cleopatra said...

Bem, eu acho que sim
Por isso postei aquela quadra.
Preencher os esapços?
É um desafio'''????
E porque não???

E é mesmo um desafio?

ora vamos lá ver...
Não me parece..
Está bem assim!

segunda-feira, fevereiro 27, 2006 6:49:00 da tarde  
Blogger Apache said...

Olá Carla, obrigado pela visita.
Definir, até se define, só que a definição fica sempre incompleta face à profundidade destes sentimentos.
Vá aparecendo por cá!

terça-feira, fevereiro 28, 2006 2:21:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Era de facto um desafio, mas se acha que está bem assim, fico vaidoso!

terça-feira, fevereiro 28, 2006 2:22:00 da manhã  
Blogger Cleopatra said...

Deixo-lhe aqui este poema.
Espero que goste.
Já deve conhecer.


PRIMEIRO AMOR
Saudade, palavra triste
Quando se perde um grande amor
Na estrada longa da vida
Eu vou chorando a minha dor
Igual uma borboleta
Vagando triste por sobre a flor
Seu nome sempre em meus lábios
Irei chamando por onde for
Você nem sequer se lembra
De ouvir a voz deste sofredor
Que implora por teus carinhos
Só um pouquinho do seu amor
Meu primeiro amor tão cedo acabou
Só a dor deixou neste peito meu
Meu primeiro amor foi como uma flor
Que desabrochou e logo morreu
Nesta solidão sem ter alegria
O que me alivia são meus tristes ais
São prantos de dor que dos olhos caem
É porque bem sei quem eu tanto amei
Não verei jamais
(Fagner)

terça-feira, fevereiro 28, 2006 9:03:00 da manhã  
Blogger Cleopatra said...

Também lhe deixo esta.
Isto de acordar cedo depois de deitar tarde... é o que dá... nada para ter vontade de fazer...Malditos relógios biológicos!

Saudades



Saudades! Sim… talvez… e porque não?....
Se o nosso sonho foi tão alto e forte
Que bem pensara vê-lo até à morte
Deslumbrar-me de luz o coração!

Esquecer! Para quê?... Ah! Como é vão!
Que tudo isso, Amor, nos não importe.
Se ele deixou beleza que conforte
Deve-nos ser sagrado como o pão!

Quantas vezes, Amor, já me esqueci,
Para mais doidamente me lembrar,
Mais doidamente me lembrar de ti!

E quem dera que fosse sempre assim:
Quando menos quisesse recordar
Mais a saudade andasse presa a mim!




Florbela Espanca, in Livro de Soror Saudade

terça-feira, fevereiro 28, 2006 9:11:00 da manhã  
Blogger DarkMorgana said...

......."DOCE AROMA DE ÉGUA"........
........................................O novo perfume de Cacharel....
......................................................................

terça-feira, fevereiro 28, 2006 7:25:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

......"DOCE AROMA DE ÉGUAS"......
O perfume què aos homens não dá tréguas!!!!!!!!!......................................................

terça-feira, fevereiro 28, 2006 7:48:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

........"DOCE AROMA DE ÉGUAS"......
Sente-se a léguas!!!!!!...................................

terça-feira, fevereiro 28, 2006 7:50:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

........."DOCE AROMA DE ÉGUAS".............................Tão intenso que se mede com réguas!!!........................

terça-feira, fevereiro 28, 2006 7:51:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

Use..."DOCE AROMA DE ÈGUAS...........................O PERFUME OFICIAL DO VERÃO 2006..............................

terça-feira, fevereiro 28, 2006 7:54:00 da tarde  
Blogger Cleopatra said...

Que cheirete!!!!

Doce aroma de éguas???
O aroma que se cheira a léguas???
E mede com réguas?
Da cacharel?
Pensava que era das Berlengas!

terça-feira, fevereiro 28, 2006 8:43:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

...."DOCE AROMA DE ÉGUAS"..........
O PERFUME QUE AFOGA AS MÉGUAS......

terça-feira, fevereiro 28, 2006 10:32:00 da tarde  
Blogger Apache said...

Caras, Morgana e Cleópatra, vocês não pouparam esforços nos comentários... muito bem!...

quarta-feira, março 01, 2006 1:45:00 da manhã  
Blogger DarkMorgana said...

..."DOCE AROMA DE ÉGUAS"........
O PERFUME DA CRINA SUADA
E MAINADA!
..................................

quarta-feira, março 01, 2006 1:48:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Não conhecia a música do Fagner, quer dizer, não me lembro de a ter ouvido mas, o que é certo é que lhe "copiei" 2 versos. É caso para dizer que "eu não acredito em bruxas, mas que as há, há!..."

quarta-feira, março 01, 2006 1:51:00 da manhã  
Blogger DarkMorgana said...

..."DOCE AROMA DE ÉGUAS"...........
O PERFUME SENSUAL....
DO ÂMAGO DO ANIMAL.............................

quarta-feira, março 01, 2006 1:57:00 da manhã  
Blogger Apache said...

O poema da Florbela já conhecia!
Já agora, aqui vai outro dela, a falar de saudade...

A lembrança dos teu beijos
ainda na minha alma existe,
como um perfume perdido,
nas folhas dum livro triste.

Perfume tão esquisito
e de tal suavidade,
que mesmo desaparecido
Revive numa saudade!

Florbela Espanca, em "Os meus amares"

quarta-feira, março 01, 2006 2:03:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Morgana, Morgana... a menina decida se é feiticeira, profiler ou publicitária... Já estou a ficar confuso!...

Gosto particularmente destas...

..."DOCE AROMA DE ÉGUAS"...
O perfume que aos homens não dá tréguas!!!!!!!!!...................

..."DOCE AROMA DE ÉGUAS"...........
O PERFUME SENSUAL....
DO ÂMAGO DO ANIMAL.............................

quarta-feira, março 01, 2006 2:09:00 da manhã  
Blogger Apache said...

..."DOCE AROMA DE ÉGUAS"........
O PERFUME DA CRINA SUADA
E MAINADA!

Não, não, não...

Perfume que é perfume, não se coloca só na crina... espalha-se pela menina!...

quarta-feira, março 01, 2006 2:13:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Ó Cleópatra, pensava que o doce aroma de éguas era das berlengas, está a fazer confusão com a "Fragrância de Berbigão" o perfume que a distingue num milhão!!!

quarta-feira, março 01, 2006 2:20:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Já agora...

Doce aroma de éguas... um perfume singular... que se cheira com o olhar!...

quarta-feira, março 01, 2006 2:27:00 da manhã  
Blogger DarkMorgana said...

...."DOCE AROMA DE ÉGUAS"......
QUANDO O FRASCO JÁ NÃO ESGUINCHA...
A ÉGUA RELINCHA................

quarta-feira, março 01, 2006 7:11:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

....."DOCE AROMA DE ÉGUAS".........
QUANDO QUER O PERFUME E LEVA UMA NEGA.............
A ÉGUA RESFOLEGA............

quarta-feira, março 01, 2006 7:12:00 da tarde  
Blogger Cleopatra said...

IRRA!!!
Voc~es parecem os intervalos da TVI, duram duram duram... a publicidade cai cai cai e a malta nunca mais v~e o filme.

OH Pázinhos querem vender essa... coisa? Quantos frascos têm?
E quanto vale?
IRRA!

Doce aroma de égua o aroma que irrita à légua...
O coice da sua égua é forte,
O coice da sua égua é doce?
use aroma de égua o coice que não despega!

Já estou viciada..

Isso é golpe de MARKETING OU K?
marketing...Kting..Catinga..
aroma a catinga...
AIIIIIIIIIIIIIIIIIII
VOU BAZAR!

Ofereçam ao MOICANO!

quarta-feira, março 01, 2006 7:36:00 da tarde  
Blogger Apache said...

"QUANDO O FRASCO JÁ NÃO ESGUICHA...
A ÉGUA RELINCHA..."
Também me parece uma frase forte!

quinta-feira, março 02, 2006 1:07:00 da manhã  
Blogger Apache said...

"Aroma de égua, o coice que não despega!..." Não está mal... Também tem jeito para isto!

Não percebi a questão do "aroma a catinga"?
Isto é o quê? Concorrência???
Aroma a catinga, o odor que não vinga!...
Aroma a catinga, não é perfume é pinga!...

quinta-feira, março 02, 2006 1:12:00 da manhã  
Blogger Apache said...

"Ofereçam ao MOICANO!" Ó Cleopatra, francamente... O "doce aroma de éguas" é um perfume de mulher, os homens só cheiram!...
Agora, se procura um perfume para homem podemos fazer uma versão masculina da "Fragrância de Berbigão", o perfume que faz de qualquer homem um verdadeiro tubarão!...

quinta-feira, março 02, 2006 1:20:00 da manhã  
Blogger Cleopatra said...

O moicano, era o primeiro, não era o ultimo!!!!!!!

quinta-feira, março 02, 2006 1:18:00 da tarde  
Blogger Apache said...

Eu percebi! O último é mais conhecido por Apache. Nada de confusões ;)

quinta-feira, março 02, 2006 9:17:00 da tarde  
Blogger joana said...

existem recordaçoes que nos trazem bastantes saudades, mas o ditado já é velhinho
"recordar é viver" e acho que é uma coisa que todos nós gostamos de fazer

bjinho***

quinta-feira, março 02, 2006 9:48:00 da tarde  
Blogger Angel_Ariel said...

Afinal isto é um chat!!!! Boa!

sábado, março 04, 2006 5:26:00 da tarde  
Blogger DarkMorgana said...

Alguém conhece o moicano do meio?
Já que temos o 1º é o último...

Será que ele também gosta de "DOCE AROMA DE ÉGUAS"?

Ó Angel...nós não somos assim tão chats...

sábado, março 04, 2006 6:45:00 da tarde  
Blogger Cleopatra said...

É um Chat pois! É um chat sim.
Concordo com o Angel
Olá Angel como vai isso?
Tudo bem consigo?
ultimamente tem ido pouco ao meu Blog.
Por outro lado tem deixado grandes e bons comentários nos Bloga Vizinhos!
tudo bem consigo?
E a salada estava boa'
Alguém comeu?
Eu não vou provar sequer...
Uma beijoica amigo!

sábado, março 04, 2006 9:57:00 da tarde  
Blogger Eva said...

Bem pessoal estou de volta, mas com tanto cheiro a égua aqui, já me está a apetecer ir para outro lado.
Cheiro a homem lavadinho faz mais o meu género..
Mas sabem uma coisa? Ainda estou pelas Caldas e vão aqui fazer obras no prédio e 2ª e 3ª não vai haver água. Parece-me que os cheiros vão começar a sair daqui. Será que os consigo transmitir por postagem? fujam todos que é melhor ;-)

Um beijo Indío, outro para a Rainha, outra para a Feiticeira, outro para o Anjo e o outro, entrego a quem?

segunda-feira, março 06, 2006 12:27:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Obrigado por REaparecer Angel!
"Afinal isto é um chat!!!!" Pois... Confesso que sim... Às vezes sou uma bocado "chat"!... Tanto que agora até lhe (me) dediquei uma "postagem".
Vá aparecendo!!!

segunda-feira, março 06, 2006 1:07:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Olá Joanita... Também REaparecida?!
Costuma de facto dizer-se que "recordar é viver", mas neste caso... viver, devia ser... Esquecer! Há recordações que talvez fosse melhor apagar... Só que "aqui", nem sei se podemos falar de recordação, é que o passado ainda está muito... PRESENTE!...
Jinhos!

segunda-feira, março 06, 2006 1:15:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Olha... Outra Reaparecida!
Como está, Srª Dona Eva... bons olhos a leiam!...
Com que então sem água?... "Vou-me já pirar!..."

segunda-feira, março 06, 2006 1:19:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Bem!!! Isto está complicado... A Cleópatra faz uma cena de ciúmes porque quer o Angel só para ela... A Morgana não se contenta com dois Moicanos e pergunta por um terceiro... Isto está bonito, está!!!

segunda-feira, março 06, 2006 1:21:00 da manhã  
Blogger Cleopatra said...

Para quebrar o chat ísse aqui vai para o Apache:

Saudade é uma criação Portuguesa.
não há mais lingua nenhuma que a tenha!

A saudade é só nossa.
Ninguém como os portugueses sabe o que é saudade!
SAUDADE! é sentimento bem Português.
Eu tenho uma enorme saudade!
De tudo o que deixa saudades!

terça-feira, março 14, 2006 12:33:00 da manhã  
Blogger Apache said...

"Eu tenho uma enorme saudade!
De tudo o que deixa saudades!"
Também eu!... Deve ser mesmo assim! Ainda bem que poucas "coisas" deixam saudades destas!...

terça-feira, março 14, 2006 1:25:00 da manhã  
Blogger redonda said...

Eu não costumo comentar poesia porque tenho lido mais prosa (recentemente é que resolvi que ia começar a ler poesia) mas gostei muito deste poema sobre a saudade... parece-me muito verdadeiro e sentido.

segunda-feira, setembro 04, 2006 9:43:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home