O Último dos Moicanos: O Período Quente Medieval (em Portugal)

sábado, 19 de julho de 2008

O Período Quente Medieval (em Portugal)

Um estudo elaborado em 2005 por F. Abrantes, S. Lebreiro, T. Rodrigues, I. Gil (e outros), do Departamento de Geologia Marinha do Instituto Nacional de Engenharia Tecnologia e Inovação (INETI), baseado em sedimentos recolhidos junto à foz do rio Tejo, na região de Lisboa, concluiu que o Período Quente Medieval ocorreu entre os anos 550 e 1300, tendo neste período, as temperaturas médias à superfície do Oceano sido 2 ºC superiores à média das registadas no final do século XIX. A temperatura média da superfície das águas oceânicas nas imediações de Lisboa está hoje menos de 0,3 ºC acima da verificada no século XIX.
Apache, Julho de 2008

Etiquetas: , ,

4 Comments:

Blogger cris said...

Agora percebo por que razão há cá tanto urso. Deve-se, certamente, às baixas temperaturas das águas. :)

Bom fds

sábado, julho 19, 2008 11:41:00 da manhã  
Blogger Apache said...

:)

Boa semana.

terça-feira, julho 22, 2008 3:02:00 da manhã  
Blogger cris said...

Tu já reparaste que nem está sequer muito quentinho, ultimamente? Dei comigo a lembrar uns anos atrás, quando o termómetro marcava 45 graus e tivemos que fugir para o norte, onde se derretia também... :)

quinta-feira, julho 24, 2008 1:35:00 da manhã  
Blogger Apache said...

Julho de 1991, não te sei dizer o dia ao certo, sei que às 17:30 começava um dos últimos treinos para o campeonato nacional de atletismo desse ano e eu (que vinha do Marquês de Pombal) subi a Av. Fontes Pereira de Melo (em direcção ao Saldanha), desci a Av. da República e em Entrecampos virei para a Av. Estados Unidos da América, para ir ao treino no Estádio 1º de Maio (conhecido como o campo do Inatel). O termómetro (e relógio) que estava na Praça Duque de Saldanha marcava 49 ºC e o de Entrecampos 50 ºC. Quando o treino acabou, por volta das 20 horas, ambos marcavam 49 ºC. A temperatura oficial (em Lisboa) foi de 43º, a mais alta desde que há Instituto de Meteorologia.
Recordo-me também dos anos em que estive na tropa, 1988 e 1989. Em mais de metade dos dias de Julho e ainda mais uns 7 ou 8 de Junho e outros tantos, de Agosto, a temperatura subia acima dos 35 ºC e à noite não baixava dos 25 ºC.
Outro mês muito quente, em Lisboa, foi o Junho de 10 anos antes (1981).
Bons tempos, em que o Verão era a sério. Agora atravessamos um ciclo de baixa actividade solar e as temperaturas são mais amenas e os finais de tarde são muitas vezes ventosos. A vantagem foi, em Janeiro de 2006 e 2007 termos visto nevar de novo (após 50 anos) em Lisboa.

sábado, julho 26, 2008 4:42:00 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home